quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

No Surprises - Radiohead



Sem Surpresas

Um coração que está cheio como um aterro
Um emprego que te mata lentamente
Feridas que não vão cicatrizar

Você parece tão cansado e infeliz
Bote abaixo o governo
Eles não, eles não falam por nós
Eu vou levar uma vida tranqüila
Um aperto de mão de monóxido de carbono

Sem alarmes e sem surpresas,
Sem alarmes e sem surpresas,
Sem alarmes e sem surpresas.
Silencioso silêncio

Este é o meu último ataque, Minha última dor de barriga

Sem alarmes e sem surpresas,
Sem alarmes e sem surpresas,
Sem alarmes e sem surpresas, por favor

Assim como uma linda casa, assim como um lindo jardim

Sem alarmes e sem surpresas, (tire-me daqui)
Sem alarmes e sem surpresas, (tire-me daqui)
Sem alarmes e sem surpresas, por favor (tire-me...)